22 junho, 2024 às 14:30 na Embaixada da Russia (Rua Visconde de Santarém 71, Lisboa) haverá 🙋 64ª Manifestação semanal

🙋 37ª Reunião semanal

16 dezembro, 2023 ⏱ 14:30
Embaixada da Russia, 📍 Rua Visconde de Santarém 69, Lisboa
🙋 37ª Reunião semanal

Não haverá mobilização … mas poderá haver. Putin come ovos e os reformados comem atraso no pagamento.

Estão a ver as notícias da manifestação semanal em frente à embaixada russa em Lisboa. Hoje, 16 de dezembro, 14:30.

Na passada quinta-feira, durante a conferência de imprensa televisiva anual, o Putin ou o seu duplo, declarou em direito que a guerra ia continuar mas não haverá mobilização. Nos lembramos das suas promessas de não aumentar a idade da reforma nem alterar a Constituição à sua medida. Claro que acreditámos nesta promessa também. E vocês?

Nas últimas semanas, muitos refugiados em proveniência do Médio Oriente e de África têm chegado à fronteira da Finlândia com a Rússia. Os guardas fronteiriços russos deixaram temporariamente de verificar os seus documentos e deixaram-lhes passar. Lukashenko utilizou um método semelhante para pressionar a Polônia em novembro de 2021. Em resposta a uma tentativa de criar uma crise migratória, a Finlândia encerrou os pontos de passagem fronteiriços. Mas agora as autoridades russas estão interessadas dos refugiados - os últimos estão a ser recrutados para a guerra na Ucrânia.

No dia 11 de dezembro, entraram em vigor alterações à lei sobre o procedimento de saída e entrada na Federação Russa. Atualmente, os recrutas, incluindo os que se encontram no estrangeiro, são obrigados a entregar os seus passaportes que permitem sair do Estado russo. Os vistos de saída que eram comuns na URSS estão a ser usados de novo. Escreve nos comentários: acha que existem leis ilegais?

Esta semana ficámos a saber que Putin gosta de ovos estrelados. E também que o aumento do preço dos ovos na Rússia se deve ao facto dos Russos terem começado a ganhar mais dinheiro e terem comprado tudo. No entanto, no YouTube podemos ver regularmente reformados russos à procura de comida fora de prazo numa lixeira.

A única esperança das residentes da Rússia para sair do buraco da dívida é agora morrer numa guerra de conquista contra a Ucrânia. Com base nas declarações de Putin na sua conferência de imprensa anual, SOTA, um media independente russo, calculou que as perdas irrecuperáveis da Rússia desde o início da invasão da Ucrânia totalizam cerca de 322 mil pessoas.

Usurpação de poder, eleições falsas, falta de liberdade de imprensa, leis ilegais e uma guerra de conquista: é o que o regime de Putin está a fazer em vez de melhorar o bem-estar dos cidadãos. Esta semana juntámo-nos a um apelo das instituições mundiais. Nesse apelo, pedimos que a Resolução 2519 da Assembleia Parlamentar do Conselho da Europa seja aplicada e que Putin seja reconhecido como ilegítimo logo no final do seu atual mandato e que os contactos com ele sejam cortados.

Outro sinal de grandeza é a crescente produção de drones para matar pessoas. De acordo com os cálculos da "Agência", um media formado por jornalistas russos independentes, quase metade das regiões da Rússia começaram a montar drones de combate a partir de peças sobressalentes chinesas. Já estão a produzir pelo menos 2,500 unidades por mês e planeiam produzir 25,000.

Recentemente, falámos sobre os problemas da distribuição dos benefícios criados pela inteligência artificial. É nisto que as mentes mais brilhantes do mundo estão a pensar. As mentes que não estão ocupadas a procurar ovos na Rússia estão concentradas em encontrar formas de escapar à realidade.

Putin e o seu regime têm provado repetidamente que podem vir atrás de cada um. Acreditamos que ele tem de ser confrontado, e quanto mais formos, mais probabilidades temos de vencer. Inscreva-se e ajude a sociedade civil!

< 📢 Manifestação em apoio aos presos políticos 🙋 38ª Reunião semanal >