22 junho, 2024 √†s 14:30 na Embaixada da Russia (Rua Visconde de Santar√©m 71, Lisboa) haver√° ūüôč 64¬™ Manifesta√ß√£o semanal

ūüôč 62¬™ Manifesta√ß√£o semanal

8 junho, 2024 ‚ŹĪ 14:30
Embaixada da Russia, ūüďć Rua Visconde de Santar√©m 71, Lisboa

Ecocídio e dezenas de milhares de vítimas devido à destruição da central hidroelétrica de Kakhovskaya, o que aconteceu e quem é o culpado.

Durante a noite de 6 de junho de 2023, foi destruída a barragem da central hidroelétrica de Kakhovka
www.bbc.com/russian/articles/cz776524k61o

O Minist√©rio dos Assuntos Internos da Ucr√Ęnia declarou que cerca de 16 000 pessoas foram na zona de inunda√ß√£o na margem direita do rio Dnieper. A administra√ß√£o das forcas de ocupa√ß√£o russas da regi√£o de Kherson informou que cerca de 22 mil pessoas foram na zona de inunda√ß√£o na margem esquerda do rio Dnieper.
www.bbc.com/russian/features-65826224

Na altura, dois ter√ßos da economia da Ucr√Ęnia estavam ligados √† cascata de reservat√≥rios do Dnieper.
www.svoboda.org/a/ekotsid-eksperty-o-posledstviyah-razrusheniya-kahovskoy-ges/32447029.html

Yevgeny Ignatenko, diretor da Administra√ß√£o dos Transportes Mar√≠timos da Ucr√Ęnia, afirmou que ‚Äúa eclusa de Kakhovka era a mais exterior do Dnieper e que de l√° saiam todos os navios para o estrangeiro‚ÄĚ.
www.bbc.com/russian/features-65845223

Uma investiga√ß√£o da Associated Press concluiu que as autoridades de ocupa√ß√£o russas subestimaram significativamente o n√ļmero de mortos. No in√≠cio da inunda√ß√£o, a administra√ß√£o de Kherson, nomeada pelos russos, aconselhou os residentes a n√£o se preocuparem. Ao mesmo tempo, de acordo com os habitantes locais, as pr√≥prias autoridades de ocupa√ß√£o fugiram.
apnews.com/article/russia-ukraine-war-dam-collapse-kakhovka-kherson-daacdc431f42912dfb91548794f03a3c

Em fevereiro de 2024, o Parlamento Europeu aprovou uma lei que declara que os danos ambientais graves e deliberadamente provocados, "comparáveis ao ecocídio", são considerados como um crime.
www.euronews.com/green/2024/02/27/revolutionary-eu-criminalises-the-most-serious-cases-of-ecosystem-destruction

Devido √† destrui√ß√£o de centenas de milh√Ķes de organismos vivos, a destrui√ß√£o da barragem passou a ser considerada motivo de a√ß√£o penal ao abrigo deste artigo.
uwecworkgroup.info/ru/after-the-deluge-one-year-on-can-the-ecosystems-disrupted-by-the-destruction-of-the-kakhovka-dam-recover/

As autoridades ucranianas afirmam que a destruição das estruturas da central hidroelétrica de Kakhovka foi levada a cabo por volta das 3 horas da manhã, provavelmente por militares da 205ª Brigada de Espingardas Motorizadas das Forças Armadas russas. De acordo com os serviços secretos ucranianos, os russos efetuaram o principal trabalho de colocação de minas imediatamente após a tomada da central.
www.bbc.com/russian/features-65827520

No dia 7 de junho de 2023, o grupo de monitorização norueguês NORSAR informou que foram registados abalos sísmicos na área da central hidroelétrica de Kakhovka em 6 de junho. O momento coincide com o início da rotura da barragem. A magnitude pode indicar um equivalente de TNT de até uma tonelada.
thebell.io/seysmodannye-ukazali-na-vzryv-plotiny-kakhovskoy-ges

O jornal "The Guardian" afirma que o Serviço de Segurança Ucraniano publicou a gravação de uma conversa entre dois homens que falam da destruição da barragem, e afirma que a conversa teve lugar entre ocupantes russos.
www.theguardian.com/world/2023/jun/09/seismic-data-adds-evidence-ukraine-kakhovka-dam-blown-up

"Ali está o nosso grupo de sabotagem. Eles queriam usar esta barragem par dar um susto. Não correu como planeado. Foi mais do que eles planearam", diz uma voz na gravação.
www.youtube.com/watch?v=mr-R4OHrq24

Em 9 de junho de 2023, "The New York Times" noticiou, citando um alto funcion√°rio da administra√ß√£o Biden, que os sat√©lites espi√Ķes dos EUA tinham detectado uma explos√£o na barragem de Kakhovka pouco antes do seu colapso.
theins.ru/news/262451

No verão de 2023, os funcionários do Parque Natural Nacional "Kamenskaya Sech" semearam o fundo do antigo reservatório com gramíneas para evitar que o solo seque e provoque tempestades de areia.
www.facebook.com/EnvironmentalofUkraine/posts/pfbid037mGbUUApYVoQGNjrYwyk5cJiAAu6NjqpuE3amuWKoMDJe4eD97AuJRtF1XjpAgHul

A auto-cura do ecossistema começou algumas semanas após o esvaziamento do reservatório. Neste momento crescem ali salgueiros e choupos superiores à altura humana. A área protegida do "Grande Prado" reapareceu fora da água.
uwecworkgroup.info/ru/after-the-deluge-one-year-on-can-the-ecosystems-disrupted-by-the-destruction-of-the-kakhovka-dam-recover/

< ūüĎ®‚ÄćūüĎ©‚ÄćūüĎß‚Äćūü϶ A marcha "Ol√°, sou eu, Navalny!" ūüôč 63¬™ Manifesta√ß√£o semanal >